Sistema para Gestão de Agências de Comunicação

Novidades: Publicidade

O SiGA está constantemente em melhorias em busca da melhor ferramenta possível. Nesta seção você pode acompanhar todas as nossas atualizações e novas implementações no SiGA.

Não acredite em tudo o que andam dizendo sobre marketing digital

22 de junho de 2016 por André Traichel

O que você pensa sobre marketing digital pode estar completamente errado.

O marketing digital é o novo queridinho do mundo da comunicação.

Quando comparamos o marketing digital — barato, versátil e com resultados totalmente mensuráveis — com o marketing tradicional — caro, de gestão complexa e com resultados difíceis de ser mensurados — , ele chega a ser tratado como a Maior Invenção de Todos os Tempos da Última Semana! Leia Mais

Formas de faturamento de mídia no SiGA

30 de janeiro de 2014 por André Traichel

Toda campanha/peça publicitária é feita para ser veiculada em algum lugar. Sem que isso aconteça, sua criação não tem propósito, certo? Certo! Para começar, então, é feito o planejamento de mídia, onde são escolhidos cuidadosamente os meios e veículos de divulgação. Quem trabalha em Agência Publicitária já conhece esse sistema e as opções existentes – descritas na última postagem do blog. Seja para Mídia Digital, Eletrônica, Impressa ou Externa, as formas de faturamento são sempre as mesmas – a nomenclatura não muda justamente para não causar confusões.

As possibilidades são:

Valor Bruto – Será feito um lançamento no Financeiro cobrando a comissão do veículo.

Valor Bruto com Comissão Cliente – Será feito um lançamento no Financeiro cobrando a comissão do veículo e outro cobrando do cliente sobre o valor bruto.

Valor Líquido Contra o Cliente – O lançamento ao Financeiro será de uma comissão a cobrar do cliente.

Valor Líquido o Cliente A/C Agência – Serão feitos dois lançamentos no Financeiro: um cobrando do cliente o valor líquido da autorização mais a comissão; o outro a pagar ao veiculo o valor líquido da autorização.

Valor Líquido Contra Agência – Serão feitos dois lançamentos no Financeiro: um cobrando do cliente o valor líquido da autorização mais a comissão; o outro a pagar ao veiculo o valor líquido da autorização.

Ao assinar o sistema SiGA e escolher o tipo de mídia que melhor se encaixa com o job, aparecerão as alternativas de faturamento com suas respectivas dicas – iguais as que aqui estão. Elas são dadas para que a Agência Publicitária não tenha dúvidas na hora de decidir a melhor forma de pagamento – leia com atenção! Outra coisa que pode facilitar o entendimento do software para sua empresa é a opção de troca do nome da faturação no menu ADMIN – já falado aqui no blog também. O termo correto, segundo o CENP, é Negociado/Faturado, mas ainda é chamado como Bruto/Líquido por alguns fornecedores.

Onde veicular?

21 de janeiro de 2014 por André Traichel

Hoje, produtos e serviços estão cada vez mais homogêneos. A fim de se diferenciar da concorrência, as empresas buscam atingir seu público-alvo através da publicidade. Todo lugar pode ser um meio de comunicação das marcas. Encontrar uma propaganda é tarefa fácil, mas se destacar no meio de tantas outras só é possível com a mídia certa – onde está o seu consumidor?

Entre tantas possibilidades, o sistema SiGA auxilia na gestão dessas mídias. Na lista abaixo, vamos ver quais são elas:

Mídia digital – precisa do acesso à internet para ser vista.

Onde encontrar? Na web, em sites, portais, blogs, redes sociais, canais de vídeo, ad words, etc.

Mídia eletrônica – atinge o consumidor através do áudio e vídeo.

Onde encontrar? Na televisão, rádio e cinema.

Mídia externa – é veiculada nas ruas da cidade e em diversos formatos.

Onde encontrar? Em busdoors, outdoors, cartazes, mobiliário urbano, empenas, frontlight, backlight, painéis digitais, entre outros.

Mídia impressa – utiliza-se imagem e/ou texto.

Onde encontrar? Jornais, revistas, folders, flyers, panfletos, encartes, mala-direta, etc.

Agora, Agências de Publicidade, é só escolher qual se adéqua melhor ao target do seu cliente e veicular a campanha.

Novos termos e negociações nas mídias.

29 de novembro de 2011 por André Traichel

Como o mercado publicitário está sempre em constante evolução, nós como prestadores de serviço às agências temos que acompanhar o ritmo das mudanças e sempre oferecer o melhor para ajudar na gestão das mesmas.

Partindo deste princípio, quando o CENP comunicou a todos as novas formas de faturamento nas mídias, adaptar o SiGA para atender essa demanda foi uma das prioridades no novo sistema.

O comunicado é longo e pode ser lido no site da ABERT, mas em resumo:

1.10 – Valor Negociado: é o valor fixado na lista pública de preços dos Veículos de Comunicação, já deduzidos os descontos comerciais.

1.11  – Desconto-Padrão de Agência ou simplesmente Desconto Padrão: é a remuneração da Agência de Publicidade pela concepção, execução e distribuição de propaganda, por ordem e conta de clientes anunciantes, na forma de percentual estipulado pelas Normas-Padrão, calculado sobre o “Valor Negociado”.

1.12  – Valor Faturado: é a remuneração do Veículo de Comunicação, resultado da diferença entre o “Valor Negociado” e o “Desconto-Padrão”.

6.6 –  Tanto nas relações com anunciantes do setor público quanto privado, o veículo de divulgação não pode, para quaisquer fins, faturar e contabilizar valores correspondentes ao “desconto-padrão de agência” como receita própria, inclusive quando o repasse de tais valores à agência de publicidade for efetivado por meio de veículo de divulgação.

6.7  – Para efeito dos itens 2.5, 6.6 e os demais relacionados a estes, faz-se necessário inserir no campo de informações adicionais das Notas Fiscais e Faturas Comerciais dos Veículos a seguinte expressão:

“Valor de Referência do “˜Desconto-Padrão”™ (remuneração da Agência ““ item 1.11 das Normas-Padrão da Atividade Publicitária): R$ ……””

Então no SiGA, o que era assim:

 

Na nova versão do sistema, já adequado às novas normas:

Além dos novos termos também acrescentamos sobre o quê será cobrada a comissão do cliente, se sobre o Valor Negociado ou sobre o Valor Faturado.

Para saber mais a respeito das mudanças, sugerimos que se procure o Sindicato das Agências da sua região ou entre em contato com o CENP.

 

Nos EUA, midia digital já capta verba da mídia tradicional.

25 de abril de 2011 por André Traichel

Vi este artigo na ADNews, que transcrevo aqui:

“Nos Estados Unidos, mais de 1/4 do faturamento publicitário já parte de serviços digitais, o que representa um montante de US$ 8,5 bilhões. Segundo dados do Agency Report 2011, relatório desenvolvido pelo Ad Age, 28% dos US$ 30,4 bilhões gastos no ano passado naquele país com anúncios foram para plataformas online.

O site analisou mais de 900 agências de marketing e serviços e constatou que houve crescimento considerável no bolo. Em 2009, por exemplo, 25.8% dos investimentos eram para o meio digital; em termos de valores, a receita das empresas que trabalham com esse tipo de anúncio saltou 16.9% em 2010.

No ano passado, seis a cada dez dólares gastos com publicidade digital – ou US$ 5,1 bilhões – foram para agências cuja especialidade é este mercado, como a Digitas (Publicis Groupe) e a SapientNitro (Sapient Corp.). A segunda maior fatia – US$ 2 bilhões – ficou com empresas que trabalham com marketing direto ou de relacionamento com clientes”.

Esta notícia já indica uma tendência lá fora sobre onde estão os investimentos publicitários. Acho que para vermos a veracidade deste movimento seria interessante cruzar estes dados com as audiências, por exemplo, do Youtube e similares e a TV tradicional, para vermos se o público também está acompanhando isto.

Na versão atual do SiGA já contamos com uma autorização de mídia web desde 2009, que será ampliada na próxima versão para atender novas formas de veiculação na internet, pois sabemos que cada vez mais os clientes de nossos assinantes procurarão esta forma de divulgação.

Semana da Propaganda RS

9 de novembro de 2007 por André Traichel

E está acabando a Semana ARP de Comunicação, onde se premia os melhores do mercado pulicitário aqui no Sul. Pra mim não tem surpresa os prêmios ficando novamente entre as maiores (DCS, Competence e Paim), claro que estranhei a falta da Escala.

Na parte de fornecedores, de novo a Impresul, o que acho que tá ficando chato.

Eu tava tentando escrever este artigo comentando sobre a Semana da Propaganda, ver os prêmios e coisas assim, mas desisto. Não consegui achar um simples quadro com as premiações ou coisa parecida e o site da ARP é uma verdadeira bagunça, os caras abusam do Flash pra ficar bonito e jogam pro alto a navegabilidade. Pô, nem todo mundo tem banda larga de 1mb e usa o IEca!

Paciência, se alguém souber onde posso achar direito, me avise!

Santa Maria/RS ganha um Clube de Criação!

14 de outubro de 2007 por André Traichel

Recebi hoje de manhã este email do pessoal da Latino América Propaganda e vou colocá-lo aqui, pois acredito que ações como essa só fortalecem o mercado publicitário.

“O Clube de Criação – CCCRS, é formado pelos profissionais das principais agências de propaganda de Santa Maria: Art/ Meio, Cia de Propagandas, Due, iDEZ, J.Adams, Latino América, Publicittà, 4SC, Tríade e Vitrine.
O objetivo do Clube é promover intercâmbio de idéias entre os profissionais das áreas de criação e planejamento das agências de propaganda de Santa Maria, mantendo um fórum permanente de discussão sobre todos os assuntos relacionados ao mercado de propaganda. Atualização profissional, qualificação e desenvolvimento do mercado, ética, responsabilidade social, relacionamento com fornecedores, veículos de comunicação e anunciantes estão na pauta do dia.

As agências de propaganda integrantes do Clube de Criação detêm em suas carteiras mais de 80% do bolo publicitário da cidade e da região.

O CCCRS é inédito no interior do estado, e foi moldado conforme clubes já existentes em outras cidades do Brasil, como Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, etc. O Clube de Criação Centro RS mantém vínculo direto com as principais entidades da classe: ABAP ““ Associação Brasileira de Agência de Propaganda; ALAP ““ Associação Latino-americana de Agências de Propaganda, CENP – Conselho Executivo de Normas Padrão e ARP ““ Associação Rio-grandense de Propaganda.

O lançamento do Clube será dia 22 de outubro, às 20 horas,no Itaimbé Palace Hotel. Como convidado especial, o publicitário Eduardo (DADO) Schneider traz a palestra “99 DICAS PARA O NATAL.

INGRESSSOS:
No local, AJESM, CACISM, CDL e SINDILOJAS

Indivudual R$ 25,00
acima de10 pessoas R$ 20,00″.

Tá dado o recado!